quinta-feira, 17 de maio de 2018

Autor do Mês

Miguel Torga

BIOGRAFIA


Miguel Torga (1907-1995) foi um escritor português e um dos mais importantes poetas do século XX. Destacou-se também como contista, ensaísta, romancista e dramaturgo e deixou mais de 50 obras publicadas.
Miguel Torga é o pseudónimo de Adolfo Correia da Rocha, nasceu em São Martinho de Anta, Vila Real, Trás os Montes, no dia 12 de agosto de 1907. De família humilde, com 10 anos foi para a cidade do Porto trabalhar na casa de familiares. Em 1918 foi para o seminário de Lamego, onde estudou Português, Geografia e História, Latim e os textos sagrados. Após um ano, decidiu que não queria ser padre.
Em 1920, o escritor foi para o Brasil para trabalhar na apanha do café, em Minas Gerais. Em 1925, regressou a Portugal e prosseguiu os seus estudos em Coimbra.
Durante três anos estudou no Liceu e, em 1928, matriculou-se na Faculdade de Medicina. Iniciou a sua vida literária e publicou os seus primeiros livros de poesia. Concluiu a licenciatura em 1933 e começou a exercer medicina. Em 1934, publicou “A Terceira Voz”, que assinou pela primeira vez com o seu pseudónimo. Faleceu em Coimbra a 17 de janeiro de 1995.
Miguel Torga fugia da agitação e da publicidade, mantendo-se longe de movimentos políticos e literários. Também não dava autógrafos, nem dedicatórias e não oferecia livros a ninguém. A sua obra reflete as apreensões, as esperanças e as angústias do seu tempo, traduz a sua rebeldia contra as injustiças e a sua revolta perante os abusos do poder.
Os seus livros foram traduzidos para diversas línguas.
Foi por várias vezes candidato ao Prémio Nobel da Literatura e recebeu vários prémios:

- Prémio do Diário de Notícias (1969)
- Prémio Internacional de Poesia de Knokke-Heist (1976)
- Prémio Montaigne da Fundação Alemã F.V.S. (1981)
- Prémio Camões (1989)
- Prémio Personalidade do Ano (1991)
- Prémio Vida Literária da Associação Portuguesa de Escritores (1992)
- Prémio da Crítica, consagrando a sua obra (1993).

Obras de Miguel Torga

Ansiedade (1928)
Rampa (1930)
Tributo (1931)
Pão Ázimo (1931)
Abismo (1932)
A Terceira Voz (1934)
O Outro Livro de Job (1936)
Bichos (1940)
Contos da Montanha (1941)
Rua (1942)
O Senhor Ventura (1943)
Lamentação (1944)
Libertação (1944)
Vindima (1945)
Odes (1946)
Sinfonia (1947)
O Paraíso (1949)
Cânticos do Homem (1950)
Portugal (1950)
Alguns Poemas Ibéricos (1952)
Penas do Purgatório (1954)
Orfeu Rebelde (1958)
Câmara Ardente (1962)
Fogo Preso (1976)
A Criação do Mundo (V volumes, 1937, 38, 39, 74 e 81)
https://www.ebiografia.com/miguel_torga/
https://www.portaldaliteratura.com (imagem)


Livro em Destaque


Pergunta do mês:

Responde às questões sobre o conto “Ladino” que faz parte do livro Bichos
e coloca as tuas respostas na caixa
com os teus dados pessoais (nome, ano e turma)

Qual o animal representado pela personagem de Ladino?
Como é caracterizado?
Qual a sua relação com as outras personagens do conto?

Participa deixando o teu nome ano e turma na caixa (na BE).

Sem comentários:

Enviar um comentário